terça-feira, 16 de dezembro de 2008

Vergonhas da minha vida #2

O dia que meu arsenal erótico foi descoberto.

No auge da minha adolescência, onde a testosterona era cerca de 52% no meu sangue.Eu tinha minhas atividades manuais no estilo resultado parcial da telesena(de hora em hora).Não bastava muito para ligar a maquina.Qualquer catálogo de calcinhas já estava valendo.Porém, como todo adolescente nessa fase, tinha que fazer tudo escondido.Como na época eu só via computador em filmes, tinha que me virar com as velhas e boas revistas.Meu reduto era o banheiro, como não tinha espaço par nada, muito menos para esconder minhas revistinhas, tinha que improvisar.Hora eu enrolava uma revista na toalha, hora na roupa, hora entrava correndo com a revista na mão mesmo(a necessidade era maior).Então era uma pitada a mais de aventura na minha pré-adolescência.Porém uma luz brilhou no fim do túnel, minha mãe resolveu por a maquina de lavar no banheiro.Automaticamente, percebi um esconderijo estratégico para minhas revistinhas.Em pouco tempo meu arsenal estava em baixo da maquina.As revistas eram:
- Uma Playboy da Sônia Lima(A jurada do Show de Calouros, muito boa por sinal)
- Uma Playboy da Cláudia Raia(Em sua melhor fase)
- 2 Revistinhas de sexo explícito(Na mão de um adolescente era uma bomba chiando)
- 3 Revistas de quadrinhos eróticos(Não eram mangá, mas davam um caldo.)
E eu, feliz da vida com minha coleção ao alcance da "mão".Porém, a vergonha chegou.Numa tarde qualquer, após uma partida de futebol, louco para tomar um banho, entro em casa e já vejo minha mãe com a cara de poucos amigos para o meu lado.Seguiu o diálogo:
- Thiago, que revistas eram aquelas no banheiro?
- o0, revistas?que revistas?
- As de mulheres nuas!
- E que eu gosto de "ler" enquanto estou no banheiro.
- Pois fique sabendo que joguei todas no lixo!
- o0 , todas?!
- É, todas.
Assim terminou minha época de ouro do cinco contra um.Fiquei sabendo depois que ela foi lavar o banheiro e jogou aguá em baixo da maquina, e viu a Sônia e a Cláudia boiando pelo chão.Fiquei com tanta vergonha que tomava banho em menos de 5 minutos depois do acontecido.Ainda bem que o tempo passa, e finalmente cheguei na época do pêra,uva, maçã e salada mista!Que também gerou uma das vergonhas da minha vida.Porém, fica pra outro post.

Sem revisão e cheio de erros.

8 comentários:

Rodrigo disse...

Fala Thiago.
Descobri seu blog a partir do blog da Crystal. Muito bom seu post.
Me lembro das mesmas coisas. Mas o pior é quando eu escondia a revista na barriga, debaixo da camisa, enfiada na calça. O trajeto entre o quarto e o banheiro eu fazia igual ao Robocop. A porra da revista não dobrava nem a pau, se alguém me pedisse pra pegar qualquer coisa no chão, eu tinha que fazer uma coreografia grostesca pra abaixar sem dobrar o abdomem, hahhahah.
Minha sorte é que quem encontrou minhas colegas de auditório foi meu pai. A partir desse dia, virou meu sócio, passava no armário pra pegar as Playboys pra ler.

abraço

Mr. K disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
Normal, normal!!!! Rí demais aqui..
Quem nunca teve aquele velho esconderijo ???

Gerundino disse...

uhahuauhhuaa.. puta q merda.. minha mãe sempre foi mais discreta, quanto a isso.. Acho que ela sempre soube q um dia ia aconteçer, então nem fiquei com vergonha, quando ela pegou minhas primeiras playboys, debaixo da minha cama e deixou na minha gaveta e depois as camisinhas no bolso.. putz.. eu tive sorte.

Minhas amigas eram, a primeira debora secco.. a adriane galisteu se depilando.. Puta que pariu tinha uma foto da debora secco fazendo um pole dancing.. as duas sheilas (do tchan) na amazonia, cara a debora secco com uma mamadeira era foda e uma sexy da nana gouveia... putz a sexy da nana gouvei foi nas crises não tão antigas, mas a debora secco me tira o sono, caralho como é gostosa.

Dalleck disse...

Viva a internet =D
Mas mesmo assim é arriscado xD

Jovas disse...

Porra, perder a Playboy da Sônia Lima é bastante triste. Na velha época dos calouros ela apaixonava fortemente.

Drinquio disse...

Carai!!! dessa eu nao sabia mestre!!! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Drinquio disse...

e a playboy de Sheila Mello em negao??? era tonha demais!!!!!!!!!!!!!!!
hhuhuauhauhahuuahhuahuauhauh

Ana P. disse...

Minha confissão: quem tinha esse arsenal escondido era meu irmão.

Ele tinha várias revistinhas, até de fotonovela erótica. Eu achava aquilo o máximo! hahahahahahahahahahaha!!!

E chega de confissão, vou falar mais nada aqui! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk