terça-feira, 25 de novembro de 2008

Texto sem noção - Vícios

O filho, recém chegado dos Estados Unidos, chaga na casa do pai e conversa sobre vícios...

- Filho, se quiser se viciar em algo procure aquilo que te traga algum bem ou alguma vantagem.
- Por exemplo?
- Eu mesmo, sou viciado em sexo...
- Em sexo?
- Isso mesmo. O que faz tão bem ao homem? - Sexo!
- E porque se separou da mamãe? Foi pelo sexo?
- Não exatamente.
- Porque então?
- Não foi nem pelo vício em si, foi mais pela Verônica, minha nova companheira.
- Então essa tal de Verônica é que o motivo da separação?
- Creio que sim meu filho.
- Poxa pai, você a mamãe se davam tão bem, como isso foi acontecer?
- Sexo meu filho, sexo.
- Como assim?
- Sua mãe já não me supria as necessidades.
- E a Verônica?
- Essa está sempre pronta, e com um sorriso nos lábios.
- Mas pai, acabar um casamento só por sexo é muita futilidade.
- Não é isso filho. O que realmente fez sua mãe sair de casa, foi quando ela descobriu que a Verônica já estava morando conosco.
- O Sr colocou outra dentro de casa enquanto a mamãe estava fora???
- Não filho. Verônica morava na casa. Sua mãe foi embora quando me pegou com ela no banheiro.
- Não acredito nisso pai... E mamãe não fez nada?
- Fez sim, tentando esfaquear a Vevé. Por sorte eu não deixei.
- Que absurdo pai, que vergonha.
- Deixa disso filho, você fala assim porque não a conhece. Quer conhecer?
- Claro! Quero saber quem é essa que acabou com o nosso lar.
- Pronto aqui está ela. Filho essa é a verônica, diz oi pra ela.
-... Pai...eu...não...
- Que foi filho? Não seja tímido, diz oi.
- Ela é... uma...boneca...
- É uma bonequinha linda!
- Uma boneca inflável... pai...
- Olha só filho, é muito mais que isso.
-...
- Pra você sentir o que estou dizendo, vou deixar você dormir com ela hoje.
-...
- Só não beija ela na boca. A noite de ontem foi quente, sabe como é. E isso no cabelo dela não é gel, cuidado também. No mais, divirta-se.
- Pai... eu...
- Tudo bem, não precisa ser agora, espera até a noite...
- Pai, eu acho que vou embora, mais tarde eu passo aqui.
- Tudo bem filho, mas antes de sair me passa aquela seringa, por favor.
- Claro, toma.
- Falando em seringa... eu já te falei que meu vício em heroína acabou com medo de agulha?
- Não, não falou pai.
- Então senta aí que quando a "lombra" passar eu conto...

Notícia urgente!
Mulheres, parem de mandar poemas e fotos nuas, pois, o administrador do blog está namorando!
PS - As fotos podem continuar. ;)

Corrigido e revisado por janaina Lima

11 comentários:

Mariano disse...

papai se perdeu no mundo do sexo fácil e das drogas pesadas!

Ana P. disse...

"Já falei que meu vício em heróina acabou com medo de agulha?"

hhuahuahuahuahuahuahuahuahuhauhau

Prefiro continuar tendo pavor de agulha, sério... ¬¬

E o aviso final soa como convite, mas hoje não, Faro, vc mora mto longe! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

[fala pra patroa que é brincadeira!]

Janaina Lima disse...

Hummmmmmm tá namorando, tá namorando...rsrsrs brincadeira, muito feliz por vc, e mais ainda por que agora tem mais inspiração para os post srsrsrs. Galera to achando que vai vir uns romanticos por aí...srsr

Anônimo disse...

"A Namorada"

Poxa já sai como "patroa" e tudo mais kkk...amei o texto, sem falar no nome de guerra(Verônica).
Bom tenho q comentar sobre as fotinhos, pelo menos caprichem nas próximas hahaha...

Thiago Apenas disse...

Ui a casa caiu!
A dona namorada descobriu o blog! ¬¬

Mr. K disse...

uaahuahuahuahuahuahuauhauhauhaauhauhauh

Anônimo disse...

"Patroa"

Eiiiii eu n "descobri" nada foi o próprio quem me deu o endereço!!! Hehehehe mas podem tirar onda da cara dele kkkk...

Mr. K disse...

OWNED! AUHUAHUHAUHHUhuahuaahuHUUHAHU

Thiago Apenas disse...

Esse post já tah rendendo demais...

gilgomex disse...

mas qualuqer coisa, mulherasda... pode mandar as fotos para Gilgomex...
tamos aí, né

Gerunda disse...

huauhahuahuauhauhhua

kkkkkkkkkkkkkkk

Cara... rachei de rir... mordi a lingua pra não rir, alto.. ta esse post foi mais estranho q o primeiro, mas é pq eu estava meio off.

kkkkkkkkkkkkkkk, eu to rindo muito... muitoooooooooooo