quinta-feira, 5 de março de 2009

Top 5 - Medos tangíveis.

Inspirado numa idéia do Rob, resolvi citar os meus 5 piores temores tangíveis*.Segue o mico:


1 - Ratos(Receio)









Esse é mais pelas doenças que o rato transmite do que pelo animal em si.Já me deparei diversas vezes com esses roedores.Em especial uma vez que um se instalou dentro do motor da geladeira lá de casa, o pior era imaginar se ele andou pelos armários de comida do que ver um infeliz na cozinha.Depois de capturado e morto, minha mãe deu um banho que água sanitária na casa para desinfetar.


2 - Cachorro(Receio)












No geral gosto de animais e simpatizo bastante com cães.Porem, meu medo/receio é justamente pelos donos que não sabem o poder de destruição que seus cães tem.Quem na vida nunca ouviu a famosa frase:
- Pode entrar que o cachorro é manso.
E depois ter que passar pelas injeções na barriga em algum posto de saúde.Eu já passei por situações bem difíceis, mas graças a Deus nunca fui mordido.Devido a minha astucia e não pelo bom senso dos donos.
Já entrei uma vez na casa de um conhecido e vi seu lindo cachorrinho correndo na minha direção, e seu dono na maior calma do mundo falando pra mim:
- Fica parado que ele não faz nada.
Eu subi no murro feito um gato e escapei de tomar umas injeções na barriga.
Se você tem um cachorro saiba que é mais fácil educa-lo do que visitar seu amigo no hospital.ficadica!


3 - Chuveiro Elétrico(Receio)










Tem coisa melhor que um banho quente num dia de inverno?Não, não tem.Porém esse luxo pode esconder um perigo(Além da conta de luz).Já tive chuveiro elétrico em casa e achava o máximo aqueles banhos quentes, até o dia em que começou a "vazar corrente" no chuveiro e os pequenos choques eram constantes.Eu sou tão "sortudo" que já tomei choque até em banheiro de motel.Então hoje prefiro um banho quente de cuia do que tomar choque pelado.


4 - Rã(Medo)










Esse é trauma de infância, tendo em vista que uma rã caiu no meu peito quando eu era pequeno.Até hoje ainda sinto a sensação daquela coisa fria em cima de mim, Argh!A pior época foi quando morrei numa casa duplex.Tínhamos um quintal e alguma vegetação na frente da casa, pronto.Era o que o batalhão de rãs precisava para viver.Eram milhares** dentro de casa, em todo quanto tinha uma turma pronta para atacar.Nessa época o pior lugar da casa era o banheiro.Você levanta no meio da noite para aquele xixi básico.Entra no banheiro e se depara com:
5 rãs na pia, 3 na porta , 8 no box , 7 na bacia do banheiro, 4 no chão e 27 no teto do banheiro.Era motivo de sobrar para não passar nem perto do banheiro durante a noite.Já cheguei a mijar no quintal para não ter que encarrar aquele lugar.


5 - Lagartixa /Víbora( O horror!!!!! )













Dava para ter um capítulo a parte no livro da minha vida.Para se ter uma idéia do nível do meu medo, eu já deixei de dormir no meu quarto por causa de uma víbora.Muitos dizem que é sinal de sorte ter esses bichos em casa, pra mim não tem sorte nenhuma topar com esse pequeno fantasma no meio da noite.Na minha casa tem uma morando na cozinha.Passa o dia escondida e a noite sai de sua tumba para assombrar esse pobre mortal que vos fala.Nem coragem de matar essas coisas eu tenho.Já taquei inseticida em uma só para não ter que chegar perto(detalhe que ela não morreu).

Depois eu faço um post sobre os meus medos intangíveis***.

* Tangível - aquilo que pode ser tocado.
** Exagero necessário.
*** Intangível - que não se pode ou não se deve tocar.

Sem revisão

3 comentários:

Mr. K disse...

ahuhauahuhauhuhuahuahuahuauhahuahu
Muito bom!

"eu já deixei de dormir no meu quarto por causa de uma víbora."

Fresco!! Eu até gosto da que mora lá em casa.

Ana P. disse...

Eu acho lagartixas tão fofinhas...

E morro de medo de barata!

E.... bah! Vc é mto exagerado! Nunca tomei choque no chuveiro de motel, MASSSSSSSS já tive um chuveiro pegando fogo aqui em casa, em cima da minha cabeça!

Alexandre Souza - PU1BZZ disse...

Tremenda beexxonnah. Eu ate faço carinho nas tais das "viboras". Aqui elas sao conhecidas como lagartixas e sao muito doceis. A Marivalda é minha lagartixa de estimação :)